Pangur Ban

Messe ocus Pangur bán
        cechtar nathar fria saindán:
        bíth a menmasam fri seilgg,
        mu menma céin im saincherdd.

        Caraimse fos, ferr cach clú,
        oc mu lebrán, léir ingnu;
        ní foirmtech frimm Pangur bán:
        caraid cesin a maccdán.

        Ó ru biam, scél cen scís,
        innar tegdais, ar n-oendís,
        táithiunn, díchríchide clius,
        ní fris tarddam ar n-áthius.

        Gnáth, húaraib, ar gressaib gal
        glenaid luch inna línsam;
        os mé, du-fuit im lín chéin
        dliged ndoraid cu ndronchéill.

        Fúachaidsem fri frega fál
        a rosc, a nglése comlán;
        fúachimm chéin fri frégi fis
        mu rosc réil, cesu imdis.

        Fáelidsem cu ndéne dul
        hi nglen luch inna gérchrub;
        hi tucu cheist ndoraid ndil
        os mé chene am fáelid.

        Cia beimmi a-min nach ré
        ní derban cách a chéle:
        maith la cechtar nár a dán;
        subaigthius a óenurán.

        Hé fesin as choimsid dáu
        in muid du-gní cach óenláu;
        du thabairt doraid du glé
        for mu mud céin am messe.

        (9ú haois; gan ainm)Image

Gratidão

Gratidão.

Engraçado,.. em um dia você pode experimentar tantos extremos, tantos opostos, que às vezes você não se dá ao trabalho nem de se apegar aos sentimentos que foram surtidos por você. (É ruim se apegar né? Somos melhores quando fortes, frios e malévolamente difíceis – com os outros? ou com nós mesmos?). Não pára para perceber quantas conexões são desperdiçadas por hora não refletida?

A importância do olhar é apartidária. Ela não se relaciona com comportamentos extremistas a favor ou contra a entrada em um sistema maluco cheio de linearidades, mas sim à sua provocação. O olhar atua como agente de mudanças, para quem sabe ganhar sensibilidade de perceber cada vez mais.

Gratidão.

Gratidão